Edifício Atlantec

Fachada NE noturna

  • Área Construída: 730 m²
  • Local: Carianos, Florianópolis.
  • Autores: Terral Arquitetura e Baixo Impacto Arquitetura. (www.arqbaixoimpacto.com.br)

 

O projeto do Edifício Atlantec se localiza ao sul de Florianópolis, próximo ao aeroporto Hercílio Luz. Uma área predominantemente residencial, que passará em breve por mudanças consideráveis devido a ampliação do aeroporto e a nova ligação entre o centro e o sul da ilha. Esse projeto busca traduzir essa mudança. Com gabarito de dois pavimentos, em um zoneamento que permite até três, o edifício, um dos pioneiros de caráter comercial, respeita as especificidades do bairro. Além do baixo gabarito, buscou-se trazer elementos da arquitetura residencial para o projeto, como a madeira, a varanda, os beirais e o jardim.

Perspectiva leste

Em um solo sensível, arenoso e praticamente a nível do mar, a preocupação com o impacto no ciclo da água se reflete no partido estético do projeto. A cobertura convergente capta a água da chuva e a direciona para uma torre que marca a fachada. Na prumada da torre, a água é armazenada, distribuída, recolhida e enviada para uma estação de tratamento de efluentes. A captação de água pluvial do prédio será suficiente para seu uso ao longo do ano, mesmo em épocas de menor precipitação. O retorno da água ao meio ambiente (visto que no bairro ainda não tem sistema de captação de esgoto) é feita com eficiência maior do que a exigida pelas normas. Depois do tratamento inicial, o efluente ainda passa por um filtro plantado que fica justamente ao lado da entrada principal da edificação, evidenciando a qualidade da água final.

A intenção de evidenciar o sistema hidráulico na fachada, reflete nosso questionamento em relação a inserção das edificações no ciclo da água. Aqui, a ausência de captação de esgoto, induziu a viabilização do tratamento sanitário no próprio lote urbano, mostrando ser essa, uma alternativa possível.

Esquema do Sistema Hidráulico

Todos os ambientes do edifício recebem iluminação natural através de generosas aberturas. Os ambientes térreos voltados para o quadrante norte, são protegidos dos raios solares diretos excessivos por um brise de madeira e trepadeiras. Os do andar superior, são protegidos pelos beirais da cobertura.

Um amplo átrio central com eficiente ventilação natural abriga toda a circulação coletiva: desde a recepção, onde uma escada metálica solta sobre um jardim interno leva aos pisos superiores até o espaço de estar coletivo que se abre para a varanda.  Existe nesse espaço, uma entrada de iluminação zenital com aletas precisamente posicionadas para regular a entrada de luz ao decorrer do ano.

Corte A

Os materiais escolhidos, muitas vezes pré moldados e em sua forma bruta aparente, buscam racionalizar a obra, reduzir custos e evitar desperdícios.

O uso da madeira em grande parte da edificação é um desafio, principalmente em obras comerciais. É um recurso sustentável por ser renovável e contribui para o armazenamento de carbono da atmosfera.

CLIQUE PARA CONFERIR TODAS AS IMAGENS:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s